Busque abaixo o que você precisa!

Novos tempos, nova tática / FERNANDO GABEIRA

Manifestações dos leitores são um estímulo para avançar um pouco nesse oceano de emoções eleitorais. Alguns acham que trato de temas etéreos, que não interessam agora. Outros, que sou condescendente com Bolsonaro.

 

Talvez as pessoas estranhem que me dedique a um cenário pós-eleitoral, pois acho que o resultado do segundo turno é relativamente previsível. Os que me acusam de condescendente não percebem que estou tentando transferir uma experiência de relação com Bolsonaro para oferecer, se não uma tática, elementos de uma tática para o futuro próximo.

 

Minha experiência é de quem defendeu no Parlamento bandeiras que Bolsonaro ataca. As frases preconceituosas que ele eventualmente dizia são as mesmas que ouvimos nas ruas de todo o Brasil.

Leia mais:Novos tempos, nova tática / FERNANDO GABEIRA

Ibope: Bolsonaro tem 59% dos votos válidos e Haddad, 41%

RIO —  Na primeira pesquisaIbope do segundo turno, divulgada nesta segunda-feira, o candidato do PSL, Jair Bolsonaro , tem 59% dos votos válidos, e Fernando Haddad (PT), 41%. A conta exclui os votos brancos e nulos. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Leia mais:Ibope: Bolsonaro tem 59% dos votos válidos e Haddad, 41%

Ciro era a melhor estratégia para ganhar a eleição, diz petista Jaques Wagner

São Paulo - Coordenador da campanha de Fernando Haddad à Presidência, o ex-governador da Bahia e senador eleito Jaques Wagner afirmou, nesta segunda-feira (15), que a melhor estratégia para uma vitória na corrida presidencial seria o lançamento de Ciro Gomes (PDT) ao Palácio do Planalto.

Repetindo ser defensor de alternância de poder e do fim da reeleição, Wagner fez essa avaliação ao comentar uma proposta da senadora Katia Abreu que sugeriu a substituição de Haddad por Ciro Gomes para garantir a eleição.

Leia mais:Ciro era a melhor estratégia para ganhar a eleição, diz petista Jaques Wagner

Ibope para presidente, votos válidos: Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%

O Ibope divulgou nesta segunda-feira (15) o resultado da primeira pesquisa do instituto sobre o segundo turno da eleição presidencial. O levantamento foi realizado na sábado (13) e domingo (14), e tem margem de erro de 2 pontos, para mais ou para menos.

Nos votos válidos, os resultados foram os seguintes:

Leia mais:Ibope para presidente, votos válidos: Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%

Ibope mostra Bolsonaro com 59% dos votos válidos e Haddad, 41%, no 2º turno

Guilherme Seto / FOLHA DE SP
SÃO PAULO

No primeiro levantamento do Ibope sobre o segundo turno das eleições presidenciais, Jair Bolsonaro (PSL) aparece à frente de Fernando Haddad (PT). O deputado conta com 59% dos votos válidos, enquanto o petista tem o apoio de 41% dos consultados.

A contagem, que exclui os brancos, nulos e indecisos como a Justiça Eleitoral faz no dia da eleição, confirma a onda conservadora que quase deu a vitória em primeiro turno ao presidenciável do PSL. No primeiro turno, Bolsonaro teve 46% dos votos válidos e Haddad, 29%.

Leia mais:Ibope mostra Bolsonaro com 59% dos votos válidos e Haddad, 41%, no 2º turno

Compartilhe