Busque abaixo o que você precisa!

Tasso promete abrir mão de disputa no Senado se MDB indicar alternativa a Renan Calheiros

Renan Truffi, O Estado de S.Paulo

12 Dezembro 2018 | 19h18

BRASÍLIA - Citado como possível candidato à Presidência do Senado, o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) tem dito a interlocutores que abre mão da disputa se o MDB indicar a senadora Simone Tebet (MDB-MS) para o cargo, em vez do senador Renan Calheiros (MDB-AL). Jereissati nega que tenha se colocado seu nome como "reação" à candidatura de Calheiros, mas defende que o momento é ideal para alguém que represente um projeto "diferente".

Leia mais...

Sérgio Aguiar contesta acusações de vereadores em Camocim

Dep. Sergio Aguiar ( PDT )Dep. Sergio Aguiar ( PDT )foto: Junior Pio

 
O deputado Sérgio Aguiar (PDT) comentou, nesta terça-feira (11/12), durante o primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa, denúncias de ter sido beneficiado eleitoralmente por contratações temporárias feitas neste ano pela prefeitura de Camocim. Segundo ele, as acusações partiram de adversários políticos na cidade.

“Esperarei resignado aquilo que for determinado para apresentar nossa defesa e combater de frente essas malfadadas acusações, que, tenho certeza, ao cabo iremos demonstrar a nossa inocência”, afirmou.

Leia mais...

Heitor Férrer lamenta aumento da pobreza no Estado

Dep. Heitor Ferrer ( SD )Dep. Heitor Ferrer ( SD )foto: Junior Pio

O deputado Heitor Férrer (SD) lamentou, no primeiro expediente da sessão plenária desta terça-feira (11/12), o aumento da pobreza no Brasil divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

"O País tinha 54,8 milhões de pessoas que viviam com menos de R$ 406 por mês em 2017, dois milhões a mais que em 2016, apontando que a proporção da população em situação de pobreza subiu de 25,7% para 26,5%, de acordo com a Síntese de Indicadores Sociais, divulgada na última quarta-feira (05/12)."

Leia mais...

Fernando Hugo destaca lei que obriga segurança 24 horas em bancos

Dep. Fernando Hugo ( PP )Dep. Fernando Hugo ( PP )foto: Junior Pio

 
O deputado Fernando Hugo (PP) ressaltou, durante o primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa desta quarta-feira (12/12), a lei sancionada pelo governador Camilo Santana, que dispõe sobre vigilância armada 24 horas nas agências bancárias do Ceará.

Segundo o parlamentar, a proposta partiu dos deputados Aderlânia Noronha (SD) e Joaquim Noronha (PRP) e enfatiza que as agências bancárias tenham vigilância armada, inclusive, em fins de semana e feriados. “Um texto simples e produtivo. Parabenizo os deputados que fizeram essa proposta e ao governador que, vendo a importância, sancionou”, disse.

Leia mais...

"Trajetórias Interrompidas" recebe prêmio internacional do Unicef

"Trajetórias Interrompidas" recebe prêmio internacional do Uniceffoto: Junior Pio

 
O prêmio "Best of Unicef Research 2018", concedido ao Comitê Cearense pela Prevenção de Homicídios na Adolescência da Assembleia Legislativa pela elaboração do estudo “Trajetórias Interrompidas”, foi entregue na manhã desta quarta-feira (12/12), durante o segundo expediente da sessão plenária.

O presidente da AL, deputado Zezinho Albuquerque (PDT), destacou a importância do reconhecimento do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) ao Parlamento cearense. “Estou extremamente orgulhoso desse colegiado. De 108 pesquisas, o estudo “Trajetórias Interrompidas” foi considerado um dos três melhores, engrandecendo o nosso Parlamento”, disse.

Leia mais...

Antônio Granja cobra recuperação de trechos da BR-116

Dep. Antonio Granja ( PDT )Dep. Antonio Granja ( PDT )foto: Junior Pio

 
O deputado Antônio Granja (PDT) cobrou, no primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa desta quinta-feira (06/12), providências do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) para a recuperação de trechos da BR-116.

Leia mais...

Contra Renan, senadores cogitam apoiar Tasso

Em uma tentativa de quebrar a hegemonia do MDB no comando do Senado e frear a articulação do senador Renan Calheiros (MDB-AL) para voltar à presidência da Casa, senadores eleitos do PSDB, PDT, PPS, Rede e setores do PSL avaliam apoiar a candidatura de Tasso Jereissati (PSDB-CE).

Tasso Jereissati
O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), em seu gabinete no Senado Federal, em Brasília Foto: André Dusek/Estadão

O nome do tucano conta com a simpatia do senador eleito Cid Gomes (PDT-CE), que foi adversário político de Tasso no Ceará, e também do bloco PPS, PDT e Rede, que soma 14 senadores. 

Leia mais...

Senado ignora Supremo e vai pagar salário maior já em dezembro

Julia Lindner e Idiana Tomazelli, BRASÍLIA

30 Novembro 2018 | 22h44

 

Senado decidiu se antecipar ao próprio Supremo Tribunal Federal e vai pagar o novo teto remuneratório de R$ 39,2 mil aos seus servidores no mês de dezembro e no 13° salário. Na prática, o Senado quer pagar desde já salários maiores que o teto atual de R$ 33,7 mil, embora a Constituição estabeleça que nenhuma remuneração possa exceder o salário de ministro do STF. A própria Corte editou portaria para esclarecer que só aumentará seus salários a partir de 1º de janeiro de 2019.

Senado
Servidores do Senado terão salário maior a partir de janeiro; teto remuneratório passa a ser de R$ 39 mil Foto: André Dusek|Estadão

No Senado, porém, servidores que hoje acumulam remunerações que extrapolam os R$ 33,7 mil e são sujeitos a desconto do chamado “abate-teto”, terão o limite aumentado já no 13.º a ser pago na próxima segunda-feira, dia 3.

Leia mais...

Capitão Wagner critica PEC que adia aumento de teto dos servidores

Deputado Capitão WagnerDeputado Capitão WagnerFoto: Edson Júnior Pio

 
O deputado Capitão Wagner (Pros) criticou, nesta quinta-feira (29/11), durante o primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa, o encaminhamento pelo Governo do Estado de projeto que adia por dois anos o aumento do teto remuneratório dos servidores estaduais.

Trata-se da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) nº 02/18. O parlamentar lembrou que a PEC que trata do aumento da remuneração dos servidores foi aprovada recentemente na Casa e passaria a valer a partir deste sábado (01/12). Para ele, com o adiamento o Executivo descumpre o que prometeu.

Leia mais...

Fernando Hugo critica edição de indulto natalino em votação no STF

Deputado Fernando HugoDeputado Fernando HugoFoto: Edson Júnior Pio

 
O deputado Fernando Hugo (PP) criticou, no primeiro expediente da sessão plenária desta quinta-feira (29/11), o decreto de indulto natalino editado pelo presidente Michel Temer, em julgamento no Supremo Tribunal Federal.

O indulto é um perdão de pena concedido todos os anos em período próximo ao Natal, como uma atribuição do presidente da República, prevista na Constituição. O decreto de indulto propõe reduzir em um quinto o cumprimento de pena em casos de crimes sem violência ou grave ameaça, sem limite máximo de pena para concessão. A votação teve início ontem (28/11) e continua nesta quinta-feira.  

Leia mais...

Compartilhe