Busque abaixo o que você precisa!

Ferreira Aragão defende prefeito Ivo Gomes

Deputado Ferreira AragãoDeputado Ferreira AragãoFoto: Edson Júnior Pio

 
O deputado Ferreira Aragão (PDT) repercutiu, durante o primeiro expediente da sessão plenária desta terça-feira (28/11), a decisão do juiz Fábio Medeiros Falcão de Andrade, que determinou a cassação do mandato do prefeito de Sobral, Ivo Gomes. De acordo Ferreira Aragão, a ação foi um desrespeito e não se fundamenta por falta de provas.

O pedetista lembrou que concorre por voto com Ivo Gomes em Sobral, e afirmou que o prefeito do município “nunca precisou comprar votos de ninguém”. Além disso, ele afirmou ter os autos do processo de cassação e disse que nenhuma das testemunhas chamadas para acusação o condenou. “As próprias testemunhas o absolveram da acusação. Algumas nem ouviram falar disso”, salientou.

O parlamentar explicou que a decisão do juiz foi tomada em ação movida pelo deputado federal Moses Rodrigues (PMDB-CE), segundo colocado na disputa eleitoral de Sobral, ano passado. “Não foram apresentadas provas contra Ivo Gomes. Quero saber o que deu nesse juiz, para o promotor eleitoral considerar a acusação improcedente, por falta de provas, e ainda assim ele atropelar o Ministério Público e decidir pela cassação de Ivo”, questionou.

Em aparte, o deputado Osmar Baquit (PSD) afirmou que dizer que Ivo Gomes compra votos “não pega”. Ele considerou que “nem o adversário mais Ferrenho dos Ferreira Gomes jamais fez uma acusação como essa contra nenhum deles”. “Qual a intenção dessa acusação? Ela não faz o feitio do juiz Falcão, e isso deve comprometer sua carreira”, disse.

O deputado Manoel Duca (PDT) também se manifestou favorável ao prefeito de Sobral. Para ele, a austeridade é uma das características mais marcantes em Ivo Gomes. “Claro que ficamos curiosos de saber as intenções dessa acusação, principalmente quando não há fundamentos para ela, mas tenho certeza de que ele não fez isso”, assinalou.

PE/AT

Compartilhe

WPROO | CRIAÇÃO DE SITES