Busque abaixo o que você precisa!

Apóstolo Luiz Henrique convoca população para o Setembro Amarelo

Deputado Apóstolo Luiz HenriqueDeputado Apóstolo Luiz HenriqueFoto: Máximo Moura

 
O deputado Apóstolo Luiz Henrique (PP) convocou a população, no primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa desta terça-feira (10/09), a participar da campanha Setembro Amarelo.

O parlamentar participou da palestra de prevenção ao suicídio, realizada pela Comissão de Infância e Adolescência da Casa, nesta manhã, e ressaltou a importância da compreensão de comportamentos característicos do suicida e as formas de se evitar casos.

“Tenho aprendido muito na Assembleia e temos uma série de eventos para trabalhar a prevenção. Temos que participar. Nove em cada 10 casos de suicídios podem ser evitados se as causas forem tratadas de maneira adequada. Se tem alguém na sua casa isolado, que não conversa, não dorme bem, que está dependente do álcool, ligue o sinal amarelo. Nada tem mais valor que nossa vida”, alertou.

Apóstolo Luiz Henrique refletiu ainda sobre a sociedade competitiva nos dias de hoje e como as redes sociais colaboram para reflexos negativos. “A internet promove auto-divulgação por redes sociais e vemos um mundo de vaidade, especulações sobre a vida alheia, agressões e fake news espalhadas nem nenhum remorso. Então, hoje quero pedir ao povo união, para que nos embates sobre os mais diversos assuntos, não levemos nada para o pessoal, pois podemos ser o gatilho de alguém”, aconselhou.

Em aparte, o deputado Vitor Valim (Pros) lembrou que muitas pessoas recorrem ao suicídio para fugir da dor que carregam. “Essas pessoas carregam uma grande dor e querem acabar este sofrimento. Que tenhamos mais suporte para cuidar dessas pessoas que enfrentam um momento tão difícil”, pontuou.

Para a deputada Dra. Silvana (PR), é preciso intensificar a oferta de consultas psiquiátricas, durante a campanha do Setembro Amarelo. “Não adianta ter só um mês de combate, mas nesse mês vamos pedir por mais acesso a consultas, terapias e medicamentos para pessoas depressivas”, observou.

O deputado Tony Brito (Pros) lamentou a ostentação nas redes sociais. “É um mundo ilusório, em que muitos acham que a felicidade está em um determinado estilo de vida. Temos que ser feliz hoje, agora, com o que temos. Evitar amarguras do passado e ansiedade com o futuro. E nunca deixar de lado a fé. Peço também uma atenção maior para os profissionais de segurança, que trabalham com uma grande pressão e precisam de acompanhamento constante”, salientou.

Já o deputado Queiroz Filho (PDT) elogiou a iniciativa. “A campanha é importante para nos deixar mais alertas com aqueles que nos rodeiam e saber direcionar a situação. Claro que ainda temos muito o que fazer, principalmente em relação às nossas crianças e adolescentes. A ideia de termos profissionais da psicologia nas escolas já seria  uma forma de prevenção, pois os professores poderiam encaminhar alunos que apresentem sintomas depressivos”, sugeriu.
LA/AT

Compartilhe