Busque abaixo o que você precisa!

Fortaleza: Sarto tem 50% e Wagner 36%, aponta primeira pesquisa Datafolha no 2º turno

Victor Farias / O GLOBO

 

 

CAPITAO E SARTO

 

BRASÍLIA — Pesquisa Datafolha divulgada na noite desta sexta-feira coloca o deputado estadual José Sarto (PDT) com uma larga vantagem em relação ao deputado federal Capitão Wagner (Pros), na disputa pela prefeitura de Fortaleza. Segundo o levantamento, Sarto tem 50% dos votos totais, e Wagner, 36%: uma diferença de 14 pontos percentuais. O Datafolha indica ainda 10% de votos brancos e nulos e 4% de indecisos.

 

Em votos válidos, quando se exclui os votos nulos e brancos, o candidato do PDT tem 59%, e o postulante do Pros, 41%. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Essa é a primeira pesquisa divulgada após o primeiro turno, no domingo. Na ocasião, Sarto conseguiu 35,72% dos votos e Wagner 33,32%. A candidata do PT, Luizianne Lins, ficou em terceiro, com 17,76% dos votos.

Com o apoio do PT e do PV, partidos que ficaram na terceira e na quinta colocação, Sarto cresceu 14 pontos, em comparação com o primeiro turno, enquanto Wagner aumentou três pontos. O quarto colocado, Heitor Férrer (Solidariedade), decidiu pela neutralidade.

Sarto é apoiado pelos irmãos Cid e Ciro Gomes (PDT), além do atual prefeito da cidade, Roberto Cláudio (PDT), cuja gestão é bem avaliada pelos fortalezenses. A aliança de nomes de peso na política local ajudou o presidente da Assembleia Legislativa do estado a se tornar mais conhecido entre os moradores da cidade, uma das principais dificuldades dele na disputa.

No início da semana, o governador do estado, Camilo Santana (PT), declarou apoio ao candidato do PDT. O petista tinha participado ativamente da campanha, já que é filiado ao PT, mas também é próximo dos irmãos Gomes. Ele é bem avaliado na cidade. Luizianne, no entanto, ainda não se pronunciou sobre um apoio a Sarto.

3,6% a 46,4%.

O candidato do Pros, que foi o deputado federal mais votado do estado em 2018, recebeu o endosso do presidente Jair Bolsonaro, apesar de não ter se apoiado nele durante a campanha. Em vídeo divulgado hoje, Wagner faz críticas e elogios a Bolsonaro e diz que é "independente".

A pesquisa, contratada pelo jornal "O Povo", foi feita entre 18 e 19 de novembro com 868 eleitores de Fortaleza. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro.

Compartilhar Conteúdo