Busque abaixo o que você precisa!

Circulação viral de Covid-19 cresce em Fortaleza, aponta SMS

Covid 19

Fortaleza registrou, entre os dias 8 e 15 de outubro, 9,2% de resultados positivos nos diagnósticos para Covid-19, segundo novo boletim epidemiológico divulgado na tarde desta sexta-feira (16) pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS). O número representa um aumento de cinco pontos percentuais em relação à taxa de 4,2% obtida entre os dias 1 e 8 de outubro.

A proporção de testes com resultado positivo para SARS-CoV-2 liberadas pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen-CE) indica "maior circulação do vírus" causador da doença pandêmica no período.

A Pasta pondera, no entanto, que o resultado não trouxe repercussão no índice de mortalidade, até o momento, já que a média móvel de óbitos (0,6) ficou 71% menor que duas semanas atrás.

Transmissão

"Atualmente, a transmissão é baixa, embora tenha havido aumento da positividade das amostras. A ampliação da testagem molecular (RT-PCR) direcionada a grupos específicos e sintomáticos é essencial nessa fase para o monitoramento oportuno de surtos", pondera o boletim. 

Desde a primeira semana de agosto, quando a Capital chegou a uma média móvel de óbitos em 2,3, o índice é considerado "estável, embora esteja atualmente em um patamar excepcionalmente baixo", justifica a SMS, complementando que a cidade não contabilizou mortes por Covid-19, preliminarmente, nos dias 3, 8, 9, 11, 13, 15 e 16 de outubro.

Conforme a plataforma IntegraSUS, da Secretaria Estadual da Saúde (Sesa), Fortaleza concentra 53.017 dos 264.172 casos de Covid-19 anotados no Ceará. Desse número, 33.819 conseguiram se recuperar da doença e outros 3.887 faleceram após complicações clínicas.DIARIONORDESTE

Compartilhar Conteúdo